(559) – DOIS MINISTÉRIOS – XXIII

DOIS  MINISTÉRIOS  23

O CORPO DO PECADO

 

  1. “Sabendo isto, que o nosso homem velho foi com ele crucificado, para que o corpo do pecado seja desfeito, para que não servirmos mais ao pecado” (Rm.6:6).

Que é corpo do pecado? Expliquemos pelas Escrituras. O apóstolo João diz: “Quem comete pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio” (I Jo.3:8). E o apóstolo Paulo diz: “Pelo que, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens, por isso que todos pecaram” (Rm.5:12). Foi assim formado o corpo do pecado, isto é, se todos pecam se fazem semelhantes ao diabo. O pecado é a semente do maligno, que, ao entrar no nosso coração nos torna filhos do diabo. É por isso que João diz: “Quem comete o pecado é do diabo” (I Jo.3:8). O homem é dotado de livre arbítrio, isto é, o homem só faz o que quer e só peca quando quer. Se ele não quer pecar, mas peca, não tem vontade própria, e neste caso faz parte do corpo do pecado, que é o corpo de Satanás. Salomão diz: “Na verdade, não há homem justo sobre a terra, que faça o bem, e nunca peque” (Ec.7:20). Os pecadores todos estão presos à vontade de Satã (II Tm.2:24-26).

2. Jesus Cristo tem um corpo: “Pois todos nós fomos batizados em um Espírito formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito” (I Co.12:13). E Paulo continua revelando: “Ele é a cabeça do corpo, da Igreja; é o princípio e o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a preeminência” (Cl.1:18). Suponhamos que numa igreja o pastor ensine que ninguém pode deixar de pecar, baseado em I Jo.1:8-10. Neste caso a cabeça da Igreja é o diabo, ou Satanás, pois está escrito que quem comete pecado é do diabo (I Jo.3:8). E o mesmo João diz: “E bem sabeis que ele se manifestou para tirar os nossos pecados; e nele não há pecado. Qualquer que permanece nele não peca; qualquer que peca não o viu nem o conheceu” (I Jo.3:5-6).

Se Jesus Cristo estivesse no Velho Testamento, faria parte do corpo do pecado de Satanás. E por isso também, a Igreja, que é o corpo de Cristo, não aparece no Velho Testamento. Com a morte de Cristo na cruz se desfaz o corpo do pecado, o poder de Satã é quebrado. Quando somos batizados em Cristo, somos crucificados com ele, isto é, morremos com ele para a carne, para o mundo, para os deleites, para as paixões pecaminosas, e assim passamos a ter poder sobre Satanás, e ele foge de nós (Rm.6:6). “Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós” (Tg.4:7).

O homem velho é descendente do primeiro Adão, e forma o corpo do pecado do qual Satanás é cabeça. O segundo Adão, ou melhor, o último, é o primeiro de uma nova criação, e o seu corpo, que somos nós, não peca (I Jo.3:9; 5:18; 3:5-6).

Se o cristão não peca, faz com que o corpo do pecado de Satã, se uma ao corpo santo de Cristo, e por causa disso João apóstolo diz: “Eu sei as tuas obras, e onde habitas, que é onde está o trono de Satanás, que promove dissensões, a ponto de matar as testemunhas fiéis, como Antipas” (Ap.2:12-14).

No Velho Testamento só havia corpo do pecado, e Satanás reinava absoluto. Acontece que Jeová reinava sobre as nações pecadoras. Leiamos os textos da Escritura que provam essa verdade: “Porque o reino é de Jeová, e ele governa entre as nações” (Sl.22:28). “Porque Jeová Altíssimo é tremendo, e rei grande sobre toda a terra” (Sl.47:2). “Dizei entre as nações: Jeová reina; o mundo também se firmará para que se não abale” (Sl.96:10). “Jeová reina; tremam as nações; ele está entronizado entre os querubins” (Sl.99:1). “Quem te não temeria a ti, ó Rei das nações? pois isto só a ti pertence; porquanto entre todos os sábios das nações, e em todo o seu reino, ninguém há semelhante a ti” (Jr.10:7). Jeová se gabava de ser rei universal (Jr.46:18; 48:15; 51:57). Jeová era o grande rei do corpo do pecado.

 

Autoria: Pastor Olavo Silveira Pereira

Deixe uma resposta