(264) – OVELHAS PARA O MATADOURO

OVELHAS PARA O MATADOURO

 

Ovelha é a fêmea do carneiro. O carneiro, quando novinho, chama-se cordeiro. A ovelha nada tem a ver com os bodes e as cabras, que são as fêmeas dos bodes. A ovelha é totalmente indefesa, pois não morde e não briga com outras ovelhas. Um lobo sozinho pode matar todo um rebanho de ovelhas (Mt. 10:16; At. 20:29). A característica das ovelhas é que elas não se agrupam. É o pastor que forma o rebanho, e tem que ficar atento, pois a ovelha é descuidada, tornando-se presa fácil quando se afasta do rebanho. A ovelha vai pastando e se perde do rebanho. É por isso que Jesus conta a parábola da ovelha perdida. Os pastores de ovelhas usam cães amestrados para ajudá-los a guardar o rebanho. A ovelha perdida de Lucas 15:3-7, não é a ovelha corrompida, mas a que esta longe do pastor e do rebanho. A ovelha corrompida é a devorada pelo lobo. Falando das ovelhas, Jesus diz: “Aquele que não entra pela porta no curral das ovelhas, mas sobe por outra parte, é ladrão e salteador. Aquele, porém, que entra pela porta é o pastor das ovelhas. A este o porteiro abre, e as ovelhas ouvem a sua voz, e chama pelo nome as suas ovelhas, e as traz para fora. E, quando tira para fora as suas ovelhas, vai adiante delas, e as ovelhas o seguem, porque conhecem a sua voz; mas de modo nenhum seguirão o estranho, antes fugirão dele, porque não conhecem a voz dos estranhos” (Jo. 10:1-5).

Ora, Jeová se denomina pastor de Israel (Ez. 34:12; Am. 3:12). Jeová chama Israel de seu rebanho.“Ó Pastor de Israel, dá ouvidos: tu, que guias a José como a um rebanho” (Sl. 80:1). “Guiaste o teu povo, como a um rebanho, pela mão de Moisés e de Arão” (Sl. 77:20). Mas Israel não ouviu a voz de Jeová, que reclamou dizendo: “Ah! Se o meu povo me tivesse ouvido! Se Israel andasse nos meus caminhos” (Sl. 81:13). “Eu vos enviei todos os meus servos, os profetas, madrugando, e enviando, e dizendo: Convertei-vos agora, cada um do seu mau caminho, e fazei boas as vossas ações, e não sigais a outros deuses para servi-los, e assim ficareis na terra que vos dei a vós e a vossos pais; mas não inclinastes os vossos ouvidos, nem me obedecestes a mim” (Jr. 35:15).

O rebanho de Jeová, isto é, Israel, não ouvia a voz do pastor, isto é, Jeová. Só existem dois sentidos para explicar o fato. Ou o rebanho, ouvindo a voz de Jeová; não reconheceu a voz do pastor, pois os tirou do Egito com grandes promessas (Ex. 3:7-8), levou-os ao deserto para prová-los, para tentá-los, e para fazê-los passar fome e sede por quarenta anos (Dt. 8:2-3; Ex. 16:1-3; 17:1-3).

Jeová mandou comida e água, e quando comiam, Jeová os matou (Sl. 78:19-31). O povo era rebanho de ovelhas, e ovelha precisa ser cuidada. Como Jeová era melindroso, iracundo, vingativo, e matador, e depois de dar água e comida, matou os escolhidos de Israel, o rebanho de ovelhas não reconheceu nele a voz do Pastor (Jo. 10:1-5). E Jesus disse: “Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas suas ovelhas”. (Jô 10:11). Jeová em contrario, tirava a vida das ovelhas. Elas então começavam a fugir dele, e não reconheciam sua autoridade. A segunda explicação para o caso, é que, sendo Israel mau e perverso, Jeová não tinha outra saída senão ser duro e matar (Is. 48:8). Temos aqui dois pontos a considerar: O primeiro é que Jesus não veio salvar os justos, mas os injustos, e neste caso complicou a dureza assassina de Jeová (Mt. 9:12-13). O segundo ponto é que Jeová é quem fabricou a maldade de Israel. Paulo, o apóstolo declarou: “Ó homem, quem és tu, que a deus replicas? Porventura a coisa formada dirá ao que a formou: Por que me fizeste assim? Ou não tem o oleiro poder sobre o barro, para da mesma massa fazer um vaso para honra e outro para desonra?” (Rm. 9:20-21). Jeová formou um rebanho mau, para morrer, por isto o salmista disse: “Por amor de ti somos mortos todo o dia; somos reputados como ovelhas para o matadouro” (Sl. 44:22). “Ó deus, por que nos rejeitaste para sempre? Por que se acende a tua ira contra as ovelhas do teu pasto? (Sl. 74:1). O salmista desnuda Jeová dizendo: “Mas agora tu nos rejeitaste e confundiste, e não sois com os nossos exércitos. Tu nos fazes retirar do inimigo, e aqueles que nos odeiam, nos tomam como saque. Tu nos entregaste como ovelhas para comer, e nos espalhaste entre asnações: TU VENDES POR NADA O TEU POVO, E NÃO AUMENTAS A TUA RIQUEZA COM O SEU PREÇO” (Sl. 44:9-12). Se a Bíblia é a Palavra de Deus, como cremos, e está escrito que Jeová nada ganhou (Sl. 44:12). Ele não está incluído no projeto de Jesus, pois Paulo declara que a queda dos judeus resultou na salvação dos gentios (Rm. 11:11-12). E por fim todo o Israel será salvo (Rm. 11:25-26).

 

Autor: Pastor Olavo Silveira Pereira

Deixe uma resposta