(005) – O PAI DA MENTIRA

“Vós tendes por pai o diabo, e quereis satisfazer os desejos do vosso pai; ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele; quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira”  (Jo.8:44).

Quais são as mentiras do diabo no princípio? Falou que não morreriam no mesmo dia se comessem da árvore da ciência do bem e do mal. E Adão, expulso do paraíso viveu 930 anos (Gn.5:5). Aqui o diabo não mentiu. Jeová Deus havia dito que no dia que comessem morreriam (Gn.2:17). O diabo prometeu que seriam como Deus, sabendo o bem e o mal (Gn.3:5). E Jeová Deus confirmou a promessa do diabo, dizendo: “Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal” (Gn.3:22). Também aqui a serpente (diabo) não mentiu.

Jesus disse também que o diabo foi homicida, mas quem matou Adão e Eva foi Jeová Deus. “Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal; ora, pois, para que não estenda a sua mão, e tome também da árvore da vida, e coma e viva eternamente; Jeová Deus, pois, o lançou fora do Jardim do Éden”  (Gn.3:22).

Certamente o diabo é mentiroso, mas não é fácil identificá-lo como o pai da mentira.

O Novo Testamento afirma que Deus não pode mentir (Tt.1:2). Se Deus mentisse uma vez seria o pai da mentira, pois Deus existia antes do diabo, e assim seria mentiroso antes do diabo. Jeová é Deus, logo não pode mentir. Se Jeová mentir uma vez, é o pai da mentira, pois o diabo é criatura do Deus Jeová. “Ora, a serpente era a mais astuta que todas as alimárias do campo que Jeová Deus tinha feito” (Gn.3:1). Foi Jeová que a criou.

Se na Bíblia houver uma mentira de Jeová, ou Deus é o pai da mentira, ou Jeová não é o Deus Pai. Vamos percorrer as páginas do Velho Testamento.

1 – Jeová amou Salomão desde o ventre. “Então consolou Davi a Bate-Seba, sua mulher, e entrou a ela, e se deitou com ela. E teve ela um filho, e chamou o seu nome Salomão; E JEOVÁ O AMOU”  (2 Sm.12:24). O nome foi dado por Jeová. “Eis que o filho que te nascer será homem de repouso: PORQUE REPOUSO LHE HEI DE DAR DE TODOS OS SEUS INIMIGOS EM REDOR. Portanto Salomão será o seu nome, e paz e descanso darei a Israel nos seus dias”  (1 Cr.22:9). Esta promessa da paz para Israel não estava vinculada ao comportamento de Salomão. Salomão pecou e o reino de Israel não teve a paz prometida. “Levantou Jeová , a Salomão um adversário, a Hadade, o Edomeu” (1 Rs.11:14). “Também Jeová lhe levantou outro adversário, a Rezon, filho de Eliada, que tinha fugido do seu senhor Hadade-Ezer, rei de Zobá, contra quem também ajuntou homens, e foi capitão de um esquadrão, quando Davi os matou. E indo para Damasco, habitaram ali, e reinaram em Damasco, E FOI ADVERSÁRIO DE ISRAEL POR TODOS OS DIAS DE SALOMÃO, E ISTO ALÉM DO MAL QUE HADADE FAZIA; PORQUE DETESTAVA A ISRAEL, E REINAVA SOBRE A SÍRIA” (1 Rs.11:2325). Jeová falou que Israel teria paz, e ele mesmo levantou adversários contra Israel. LOGO, MENTIU.

2- Segundo a narrativa do Novo Testamento, todos os homens estavam mortos espiritualmente. “Porque, se pela ofensa de um só, a morte reinou pôr esse, muito mais os que recebem a abundância da graça, e do dom da justiça, reinarão em vida por um só, Jesus Cristo” (Rm.5:17). Jesus confirma esta verdade: “E outro de seus discípulos lhe disse: Senhor, permite-me que primeiramente vá sepultar o meu pai, Jesus, porém, disse-lhe: Segue-me, e deixa aos mortos sepultar os seus mortos” (Mt.8:21-22). “E quando vós estáveis mortos nos pecados, e na incircuncisão da vossa carne, vos vivificou juntamente com ele, perdoando-vos todas as ofensas” (Col.2:13). “Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, MAS PASSOU DA MORTE PARA A VIDA” (Jo.5:24). Se todos os homens estavam espiritualmente mortos na alma desde Adão, o homem não precisaria pecar para morrer, pois já estava morto. Mas Jeová disse: “EIS QUE TODAS AS ALMAS SÃO MINHAS; COMO A ALMA DO PAI, TAMBÉM A ALMA DO FILHO É MINHA. A ALMA QUE PECAR MORRERÁ” (Ez.18:4). Com estas palavras Jeová declarava que as almas estavam vivas, e só morreriam pecando. Mentiu portanto, pois as almas estavam todas mortas, conforme os quatro textos do Novo Testamento (Rm.5:12).

3 – Jeová se declara o TODO PODEROSO (El Shaday), e declara: “Ainda antes que houvesse dia, eu sou: e ninguém há que possa fazer escapar das minhas mãos; operando eu, quem impedirá?” (Is.43:13).“Porque o Senhor dos Exércitos o determinou: quem pois o invalidará? e a sua mão estendida está: quem pois a fará voltar atrás?”  (Is.14:27). “Vede agora que eu, eu sou, e mais nenhum Deus comigo; eu mato e eu faço viver, eu firo e eu saro: e ninguém há que escape da minha mão” (Dt.32:39). Paulo apóstolo revela que alguém submeteu e corrompeu toda a criação: “Porque a criação, ficou sujeita à vaidade, não por sua vontade, mas por causa do que a sujeitou, na esperança de que também a mesma criatura será libertada da servidão da corrupção, para a liberdade da glória dos filhos de Deus. Porque sabemos que toda a criação geme e está juntamente com dores de parto até agora (Rm.8:19-22). Se toda a criação foi submetida ao opressor, e dentro dela Jeová se arroga tantos poderes, ou Jeová está submetido ao opressor, ou está mentindo. O que parece é que, quem faz, tem mais poder do que quem fala e proclama o que não pode fazer.

4 – Na Lei de Jeová lemos: “Os pais não morrerão pelos filhos, nem os filhos pelos pais; cada um morrerá pelo seu pecado” (Dt.24:16). Porém nos dez mandamentos lemos: “…porque eu, Jeová teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a maldade dos pais nos filhos até à terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem” (Ex.20:5). Mas também Jeová matou o filho recém-nascido de Davi por causa do adultério. “E Jeová feriu a criança que a mulher de Urias dera a Davi” (2 Sm.12:15,19). Está provado que o Deus Jeová mente, logo, deve ser o pai da mentira.

5 – Sobre acepção de pessoas. “Pois Jeová vosso Deus é o Deus dos deuses, e o Senhor dos senhores, o Deus grande, poderoso e terrível, que não faz acepção de pessoas” (Dt.10:17). “E haverá grande clamor em toda a terra do Egito, qual nunca houve semelhante e nunca haverá; mas contra todos os filhos de Israel nem ainda um cão moverá a sua língua, desde os homens até os animais, para que SAIBAIS QUE JEOVÁ FEZ DIFERENÇA ENTRE OS EGÍPCIOS E OS ISRAELITAS” (Ex.11:6-7). Então Jeová faz acepção de pessoas, e quando diz que não faz, mente. Jeová fez acepção entre o homem e a mulher, pois esta sendo inferior não tinha liberdade nem para fazer votos a Deus (Nm.30:1-8). Quando nascia menino, a mãe ficava imunda 40 dias, mas se nascia menina ficava imunda 80 dias (Lv.12:1-8). Jeová é o Deus da acepção e mente dizendo que não faz acepção de pessoas.

6 – Jeová deu ordem a Moisés sobre os sacrifícios e holocaustos. “Um altar de terra me farás, e sobre ele sacrificarás os teus holocaustos, e as tuas ofertas pacíficas, as tuas ovelhas e as tuas vacas, em todo o lugar onde eu fizer celebrar a memória do meu nome, virei a ti, e te abençoarei” (Ex.20:24). E depois afirma que não deu essa ordem. “Assim diz Jeová dos exércitos, o Deus de Israel: Ajuntai os vossos holocaustos aos vossos sacrifícios, e comei carne. Porque nunca falei a vossos pais no dia em que vos tirei da terra do Egito, NEM LHES ORDENEI COISA ALGUMA ACERCA DE HOLOCAUSTOS OU SACRIFÍCIOS” (Jr.7:21-22). Jeová mentiu outra vez.

7 – Jeová garantiu a Abraão que não destruiria o justo com os ímpios, e que se houvesse 10 justos em Sodoma pouparia toda a cidade por amor deles (Gn.18:24-26; 18:32). Mas o profeta Ezequiel declara por parte de Jeová que os justos serão destruídos juntamente com os ímpios. Mentiu pela sétima vez (Ez.21:1-4). E há muito mais mentiras de Jeová; mas estas bastam.

Se Jeová mente tanto, tudo o que fala a seu respeito também é mentira. Mente quando se declara criador, mente quando afirma ser salvador, e quem crê nas suas mentiras, se faz filho da mentira (Jo.8:44).

A única verdade que existe é Jesus Cristo e seu Pai. “Eu sou o caminho a verdade, e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim” (Jo.14:6).

 

Autoria Pastor Olavo S. Pereira

5 thoughts on “(005) – O PAI DA MENTIRA

  1. Pastor, Eu estive lendo seus estudos, mas, não entendo em que crês finalmente? Qual sua concepção ou entendimento sobre o Deus? Se quiser me enviar por e-mail eu agradeço também! Deus é metirosos ou o antigo testamento é metira ou o que?
    Abraço

    • Cremos no Pai, no Filho e no Espírito Santo de Deus e na bíblia porém não cremos que Jeová o Deus de Israel seja o Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, porque Cristo veio revelar um Deus sem acepção e que não muda e que é amor, enquanto que Jeová nunca nos apresentou essas características, como disse Jesus, “conhecemos a árvore pelos frutos”, isto é conhecemos o pai observando o que Jesus faz, porque ele imita o Pai que estava oculto em mistérios e que foi revelado por Cristo:
      (João 1:18) Deus nunca foi visto por alguém. O Filho unigênito, que está no seio do Pai, esse o revelou.
      (João 14:6-11) Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.
      Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis, e o tendes visto.
      Disse-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, o que nos basta.
      Disse-lhe Jesus: Estou há tanto tempo convosco, e não me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Mostra-nos o Pai?
      Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras.
      Crede-me que estou no Pai, e o Pai em mim; crede-me, ao menos, por causa das mesmas obras.
      (Tiago 3:11) Porventura deita alguma fonte de um mesmo manancial água doce e água amargosa?

      A paz do Senhor Jesus Cristo esteja com o irmão !

    • A acepção não estava em Cristo mas em sua Carne isto é na lei.

      Paulo soluciona isto quando ele fala aos Gentios de Éfeso em:

      (Efésios 2:11-17) Portanto, lembrai-vos de que vós noutro tempo éreis gentios na carne, e chamados incircuncisão pelos que na carne se chamam circuncisão feita pela mão dos homens;
      Que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo.
      Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto.
      Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio,
      Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz,
      E pela cruz reconciliar ambos com Deus em um corpo, matando com ela as inimizades.
      E, vindo, ele evangelizou a paz, a vós que estáveis longe, e aos que estavam perto;

      Jesus Cristo antes de ressuscitar declara aos seus discípulos:

      (Mateus 10:5-6) Jesus enviou estes doze, e lhes ordenou, dizendo: Não ireis pelo caminho dos gentios, nem entrareis em cidade de samaritanos;
      Mas ide antes às ovelhas perdidas da casa de Israel;

      Depois que ressuscitou ele declarou:

      (Mateus 28:16-19) E os onze discípulos partiram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes tinha designado.
      E, quando o viram, o adoraram; mas alguns duvidaram.
      E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra.
      Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;

      Não que Jesus esteja se contradizendo, mas enquanto ele estava em carne o “Corpo de Cristo” ainda não existia, que conforme o Apóstolo Paulo nos declara foi o mistério que foi revelado por ele após a ressurreição de Cristo:

      (Efésios 3:1-7) Por esta causa eu, Paulo, sou o prisioneiro de Jesus Cristo por vós, os gentios;
      Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus, que para convosco me foi dada;
      Como me foi este mistério manifestado pela revelação, como antes um pouco vos escrevi;
      Por isso, quando ledes, podeis perceber a minha compreensão do mistério de Cristo,
      O qual noutros séculos não foi manifestado aos filhos dos homens, como agora tem sido revelado pelo Espírito aos seus santos apóstolos e profetas;
      A saber, que os gentios são co-herdeiros, e de um mesmo corpo, e participantes da promessa em Cristo pelo evangelho;
      Do qual fui feito ministro, pelo dom da graça de Deus, que me foi dado segundo a operação do seu poder.

      Revelando mais um pouco deste mistério Paulo declara o seguinte:

      (Gálatas 3:27-28) Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo.
      Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.

      Por esta razão era necessária a morte de Cristo, pois se ele não tivesse morrido ele também não ressuscitaria para que o Corpo dele que é a igreja destruísse toda acepção étnica e religiosa que persistia pela Lei dada por Jeová no monte Sinai, por esta Razão Paulo na carta aos Romanos nos mostra que só podemos nos ver livres da Lei através do Corpo do Cristo Ressuscitado que é a igreja:

      (Romanos 7:4-6) Assim, meus irmãos, também vós estais mortos para a lei pelo corpo de Cristo, para que sejais de outro, daquele que ressuscitou dentre os mortos, a fim de que demos fruto para Deus.
      Porque, quando estávamos na carne, as paixões dos pecados, que são pela lei, operavam em nossos membros para darem fruto para a morte.
      Mas agora temos sido libertados da lei, tendo morrido para aquilo em que estávamos retidos; para que sirvamos em novidade de espírito, e não na velhice da letra.

      E Paulo declara em Colossenses mais uma vez este Mistério que envolvia os Gentios:

      (Colossenses 1:24-27) Regozijo-me agora no que padeço por vós, e na minha carne cumpro o resto das aflições de Cristo, pelo seu corpo, que é a igreja;
      Da qual eu estou feito ministro segundo a dispensação de Deus, que me foi concedida para convosco, para cumprir a palavra de Deus;
      O mistério que esteve oculto desde todos os séculos, e em todas as gerações, e que agora foi manifesto aos seus santos;
      Aos quais Deus quis fazer conhecer quais são as riquezas da glória deste mistério entre os gentios, que é Cristo em vós, esperança da glória;

      Por esta razão não conhecemos mais nem Cristo segundo a Carne, porque em seu corpo acaba tudo e se inicia a nova Criação do Pai, onde não há acepção, como declarado por Paulo em:

      (2 Coríntios 5:16-17) Assim que daqui por diante a ninguém conhecemos segundo a carne, e, ainda que também tenhamos conhecido Cristo segundo a carne, contudo agora já não o conhecemos deste modo.
      Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.

      Atenciosamente,
      Pr. Abner Pereira Dancuart.

Deixe uma resposta