(626) – MATRIMÔNIO 2

Pela Bíblia, o ato sexual é santificado pelo matrimônio. Há três bens no matrimônio:

a) Ele é remédio para a concupiscência,

b) Prole,

c) Ajuda mútua.

Fora do casamento, qualquer ato sexual é pecaminoso.

“Não vos defraudeis um ao outro, senão por consentimento mútuo por algum tempo, para vos aplicardes à oração; e depois ajuntai-vos outra vez, para que Satanás não vos tente pela vossa incontinência” (1 Co.7:5). O sexo atrapalha a comunhão com Deus. O casal, para se aplicar à oração, deve se abster do sexo.

“E também a mulher, com quem homem se deitar com semente da cópula, ambos se banharão com água, e serão imundos até à tarde” (Lv.15:18). Para Jeová o ato sexual é imundo, contrário à sua natureza divina.

Lemos em Romanos: “Porque os que são segundo a carne inclinam-se para as coisas da carne; mas os que são segundo o Espírito, para as coisas do Espírito” (Rm.8:5). “Mas os que vivem na carne não podem agradar a Deus” (Rm.8:8). 

Jeová proibiu Adão de comer da árvore da ciência: “E ordenou Jeová deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente, mas da árvore da ciência do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás” (Gn.2:16-17). A árvore da ciência do bem e do mal, no hebraico, significa árvore do conhecimento sexual. Quem induziu Eva a comer da árvore foi Satanás.

“Ou não sabeis que o nosso corpo é templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus” (1 Co.6:19-20). Está claro que tanto o nosso corpo como o nosso Espírito pertencem a Deus. Se uma pessoa é cristã e quiser se casar precisa consultar a Deus. Se uma mulher se casa, passa a ser dona do corpo do homem, e o homem dono do corpo da mulher: “A mulher não tem poder sobre o seu próprio corpo, mas tem-no o marido; e também, da mesma maneira o marido não tem poder sobre o seu próprio corpo, mas tem-no a mulher” (1 Co.7:4). Ambos precisam consultar a Deus, porque Ele disse: “Não é bom que o homem toque em mulher, e não é bom que a mulher toque em homem” (1 Co.7:1-2).

Há diferença entre a mulher casada e a virgem: “A virgem cuida das coisas do Senhor para ser santa, tanto no corpo como no espírito; porém a casada cuida das coisas do mundo, em como há de agradar ao marido” (1 Co.7:34). 

Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém, aos que se dão à prostituição, e aos adúlteros, Deus os julgará (Hb. 13:4).

Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível (Ef. 5:27).

 

Autoria: Pastor Olavo Silveira Pereira

2 thoughts on “(626) – MATRIMÔNIO 2

Deixe uma resposta