(468) – DEUS INJUSTO

DEUS  INJUSTO

Diz a Escritura sagrada que Jeová é deus misericordioso e piedoso. Diz isso por boca de Moisés, seu fiel servo: “Passando pois Jeová perante a sua face, clamou: Jeová, o senhor, deus misericordioso e piedoso, tardio em iras e grande em beneficência e verdade” (Ex. 34:6). E disse mais Moisés: “Saberás pois que Jeová teu deus é deus, o deus fiel, que guarda o concerto e a misericórdia até mil gerações aos que o amam e guardam os seus mandamentos” (Dt. 7:9).

Como Jeová é misericordioso, sua herança é eterna. Ele deu a Abraão e à sua descendência a terra de Canaã, dizendo: “Eu estabelecerei o meu concerto entre mim e à tua semente depois de ti, em suas gerações, por concerto perpétuo, para te ser a ti por deus, e à tua semente” (Gn. 17:8). Quatrocentos anos mais tarde, pela mão de Moisés, libertou o povo de Israel do Egito, e os levou ao monte Sinai, para estabelecer o concerto da lei. Enquanto Moisés estava com Jeová no monte, o povo se corrompeu em baixo. Jeová, ofendido e cheio de furor intentou destruí-los. Moisés suplicou a Jeová que não destruísse seu povo, e recordou a Jeová a promessa feita a Abrão (Ex. 32:10-14). Convencido por Moisés, Jeová se arrependeu. Até o deus Jeová quando fala sem refletir, é obrigado a se arrepender.

  • Mas Jeová é misericordioso e dá herança até aos infiéis. Por exemplo: Os moabitas e amonitas eram dois povos de origem incestuosa. Moabe, pai dos moabitas, nasceu do incesto da filha mais velha de Ló, com o próprio pai (Gn. 19:31-33). Os amonitas são os filhos de Amon, que surgiram de Benami, filho da irmã mais nova, também por cópula incestuosa com Ló, seu pai (Gn. 19:34-38).Além disso, os moabitas, com medo dos israelitas, acampados nas colinas de Moabe, tentaram alugar Balaão para amaldiçoar Israel (Nm. 22:5-6). Antes disso, quando Israel saiu do Egito, e pediu passagem pela terras dos moabitas e amonitas, estes não permitiram. Na realidade, apesar da maldição dos maobitas e amonitas, Jeová tinha dado ordem a Israel, dizendo: “Não molestes a Moabe e não entres em peleja com eles, porque te não darei herança da sua terra; porquanto tenho dado Ar aos filhos de Ló por herança” (Dt. 2:9). Eram povos corruptos e abomináveis a Jeová, mas em consideração a Ló, deu-lhes herança (Nm. 25:1-3; Dt. 2:17-19).
  • Israel pediu passagem para os edomitas, no caminho para Canaã, mas estes também não permitiram, e ameaçaram pegar em armas (Nm. 20:14, 18). Os edomitas são descendentes de Esaú, irmão de Jacó. Ambos são filhos de Isaque. Esaú é o mesmo Edom (vermelho) (Gn. 25:30).Esaú era fornicário e profano. Na carta aos Hebreus, lemos: “E ninguém seja fornicário, ou profano, como Esaú, que por um manjar vendeu o seu direito de primogenitura. Porque bem sabeis que, querendo ele ainda depois herdar a bênção, foi rejeitado, porque não achou lugar de arrependimento; ainda que com lágrimas o buscou” (Hb.12:16-17). Por que Esaú é chamado de fornicário? Porque casou com mulheres hetéias, e tão perversas, que foram uma amargura de espírito para Rebeca(Gn. 26:34-35). Rebeca até desesperou da vida por causa dessas mulheres (Gn. 27:46). Pois Jeová, o piedoso e misericordioso, deu herança a Edom (Gn. 25:30). Jeová disse: “Dá ordem ao povo, dizendo: Passareis pelos termos de vossos irmãos, os filhos de Esaú, que habitam em Seir, e eles terão medo de vós, porém guardai-vos bem. Não vos entremetais com eles, porque não vos darei da sua terra, nem ainda a pisada da planta de um pé; portanto a Esaú dei a montanha de Seir por herança” (Dt. 2:4-5). Jeová foi misericordioso e piedoso com Esaú.
  • Jacó teve doze filhos, que formaram as doze tribos de Israel. Os primeiros quatro filhos de Léia são: Rubem, Simeão, Levi e Judá (Gn. 29:32-35). Faremos um resumo da vida destes quatro filhos de Léia e Jacó: Judá tinha três filhos. Para Er, seu filho primogênito, Judá tomou a Tamar por esposa. Mas Er era mau, pelo que Jeová o matou. Judá então disse a Onã: Casa-te com a mulher do teu irmão, e suscita semente a teu irmão. Onã, porém, se negou a suscitar semente ao irmão morto, e o que fazia era mau aos olhos de Jeová, pelo que o matou. Selá, o mais novo, era muito jovem, e Judá se omitiu de fazê-lo casar-se com Tamar. O tempo passava, e Tamar vestiu-se com trajes de prostituta, e sentou-se à beira do caminho. Judá passou pelo caminho, viu-a com o véu, e pensando ser uma prostituta, deitou-se com a sua nora, e ela concebeu. Judá era um indivíduo lascivo e prostituído. Mas Jeová, o piedoso, lhe deu herança eterna em Canaã (Js. 15:1-12). Essa história imoral está em Gn. 38:1-19.

A história de Simeão e Levi é diferente. Sua irmã Diná, curiosa, saiu a passear para conhecer as moças da terra. Siquém, filho de Hamor, heveu, viu-a, e se deitou com ela. E Siquém amou-a, e foi com seu pai falar com Jacó para fazer o casamento. Jacó exigiu a circuncisão. Eles aceitaram inclusive unir os clãs. Todos os varões foram circuncidados. Ao terceiro dia, quando a dor era mais forte, Simeão e Levi, entraram afoitamente na cidade, e mataram a todos os varões. Assassinaram friamente aqueles que creram na fé do seu pai. Mas Jeová, o misericordioso, lhes deu herança (Js. 19:1-9). Levi herdou com Judá, por formar a tribo dos levitas, que ministravam no tempo.

Rubem, o primogênito de Jacó, e a força de Jacó, seduziu a mulher de seu pai, e praticou incesto (Gn. 35:22). Jacó, seu pai, soube-o, e na hora da morte recriminou-o (Gn. 49:3-4). Por esse ato vergonhoso, Rubem perdeu a primogenitura, que passou para os filhos de José: Efraim e Manassés (I Cr. 5:1). Mas Jeová lhe deu herança na terra (Js. 13:15-23).

Mas, o varão que não teve herança na terra de Jeová, não foi incestuoso, não foi criminoso como Simeão e Levi, não foi profano e fornicário como Esaú, não foi adversário de Israel como os moabitas e amonitas; mas foi o mais manso (Nm. 12:3), foi o maior profeta (Dt. 34:10). Foi o mais íntimo de Jeová, e o mais fiel (Nm. 12:6-8). Quando desceu do monte seu rosto brilhava tanto que os filhos de Israel não o podiam fitá-lo (Ex. 34:29-30).

Pois Moisés não teve herança, tal era a consideração que Jeová teve com Moisés (Dt. 34:1-5). Este é Jeová, o piedoso …

Deixe uma resposta