(749) – O PERDÃO 2

Jesus manda perdoar: “Perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores” (Mt.6:12). “Se, porém, não perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai vos não perdoará as vossas ofensas” (Mt.6:15).

Perdoar é condição primordial para salvação, no Novo Testamento.

No Velho Testamento, Iahweh disse: “E saberá toda carne que eu, Iahweh, tirei a minha espada da bainha: nunca mais tornará a ela” (Ez.21:5). “E dize à terra de Israel: Assim diz Iahweh: Eis que sou contra ti, e tirarei a minha espada da bainha, e exterminarei do meio de ti o justo e o ímpio” (Ez.21:3). “A causa é esta, por isso, eu digo que ele consome ao reto e o ímpio” (Jó 9:22). Se ele consome ao reto e ao ímpio, ele não perdoa: Vai, pois, agora, e fere a Amaleque, e destrói totalmente a tudo o que tiver, e não lhe perdoes; porém matarás desde o homem até a mulher, desde os meninos até aos de peito, desde os bois até às ovelhas, e desde os camelos até aos jumentos” (1 Sm.15:3). “Mas, se houver morte, então, darás vida por vida, olho por olho, dente por dente, mão por mão, pé por pé, queimadura por queimadura, ferida por ferida, golpe por golpe” (Ex.21:23-24).

Onde há a lei da vingança, não há perdão: “Porque trarei sobre vós a espada, que executará a vingança do concerto; e ajuntados estareis nas vossas cidades; então, enviarei a peste entre vós, e sereis entregues na mão do inimigo” (Lv.26:25).

Onde há maldição, não há perdão: “A maldição de Iahweh habita na casa do ímpio, mas a habitação dos justos ele abençoará” (Pv.3:33).

Iahweh se ira todos os dias e onde Deus se ira todos os dias, não há perdão: “Deus é um juiz justo, um Deus que se ira todos os dias” (Sl.7:11).

Onde Deus amaldiçoa as bênçãos dadas, não há perdão: “Se o não ouvirdes, e se não propuserdes no vosso coração dar honra ao meu nome, diz Jeová dos exércitos, enviarei a maldição contra vós, e amaldiçoarei as vossas bênçãos; e já as tenho amaldiçoado, porque vós não pondes isso no coração” (Ml.2:2).

Onde Deus corrompe a semente, não há perdão: “Eis que vos corromperei a semente, e espalharei esterco sobre o vosso rosto, o esterco das vossas festas; e com eles sereis tirados” (Ml.2:3).

Onde Deus se deleita em destruir, não há perdão: “E será que, assim como Iahweh se deleitava em vós, e fazer-vos bem, e multiplicar-vos, assim Iahweh se deleitará em destruir-vos e consumir-vos; e desarraigados sereis da terra, a qual passas a possuir” (Dt.28:63).

Onde Iahweh vigia para o mal, não há perdão: “Eis que velarei sobre eles para mal e não para bem; e serão consumidos todos os homens de Judá que estão não terra do Egito à espada e à fome, até que se acabem de todo” (Jr.44:27).

Quando Iahweh põe o seu rosto para mal e não para bem, não há perdão: “Porque pus o meu rosto contra esta cidade para mal e não para bem, diz Iahweh; na mão do rei da Babilônia se entregará, e ele a queimará a fogo” (Jr.21:10).

Onde Iahweh divorcia da mulher, não há perdão: “Assim diz Iahweh: Onde está a carta de divórcio de vossa mãe, pela qual eu a repudiei? Ou quem é o meu credor, a quem eu vos tenha vendido? Eis que por vossas maldades fostes vendidos, e por causa das vossas prevaricações vossa mãe foi repudiada” (Is.50:1).

Onde Iahweh não tem piedade, não há perdão: “Pelo que também eu procederei com furor; o meu olho não poupará, nem terei piedade; ainda que me gritem aos ouvidos com grande voz, eu não os ouvirei” (Ez.8:18).

O caso de Davi: Davi cometeu um adultério, com Bate-Seba, e ela concebeu; e Davi tentou fazer com que o marido se deitasse com ela, mas o marido, Urias, não se deitou. Então, Davi mandou matá-lo; cometendo assim um homicídio culposo. Iahweh deveria cumprir a lei que era: “Também o homem que adulterar com a mulher de outro, havendo adulterado com a mulher do seu próximo, certamente morrerá o adúltero e a adúltera” (Lv.20:10). Porém, Iahweh perdoou Davi, mas vai cobrar nos seus filhos. Iahweh disse: “Agora, pois, não se apartará a espada jamais da tua casa, porquanto me desprezaste, e tomaste a mulher de Urias, o heteu, para que te seja por mulher” (2 Sm.12:10).

Iahweh diz que perdoa, mas não perdoa. Ele não ama. Não conhece o amor. Iahweh, portanto, não pode ser o Deus Pai.

Autoria: Pr. Olavo Silveira Pereira

Deixe uma resposta