(454) – COISAS DO DIABO – II

COISAS  DO  DIABO  2

 

Morte é coisa feia, e é representada por um esqueleto horrendo envolto num lençol, tendo numa mão uma ampulheta, e na outra uma foice, para ceifar vidas. A morte está ligada ao pecado, e o diabo peca desde o princípio. João diz: “Quem comete o pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio” (I Jo. 3:8). No hebraico, a palavra sheol se traduz por sepultura, inferno, cova. Sheol é o lugar dos mortos, e sheol é também o inferno, lugar da condenação dos pecadores. Jesus declara que quem chama o irmão de louco é réu do fogo do inferno (geena, no grego). Pois bem, na carta aos hebreus, lemos a respeito da grande obra redentora de Jesus Cristo: “E, visto como os filhos participam da carne e do sangue, também ele participou das mesmas coisas, para que pela morte aniquilasse o que tinha o império da morte, isto é, o diabo” (Hb. 2:14). O império da morte pertence ao diabo, o rei dos infernos.

Mas incrivelmente quem condena à morte é Jeová, pois disse a Adão: “Da árvore da ciência do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás” (Gn. 2:17). E Adão comeu e formou o império de Satanás, ou diabo, que são a mesma pessoa (Ap. 12:9). Foi Adão ou foi Jeová o autor da morte? Eis a questão. Mas expliquemos:

  1. Quem deu a lei? Foi Jeová (Dt. 4:10-14). Que é que a lei produz nos homens? Paulo responde:“Que diremos pois; é a lei pecado? De modo nenhum; mas eu não conheci pecado senão pela lei; porque eu não conheceria a concupiscência, se a lei não dissesse: Não cobiçarás. Mas o pecado, tomando ocasião pelo mandamento, obrou em mim toda a concupiscência: porquanto sem a lei estava morto o pecado” (Rm. 7:7-8). Tiago completa o pensamento: “Depois, havendo a concupiscência concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, sendo consumado, gera a morte” (Tg. 1:15). Como a lei é a mãe da concupiscência, esta acaba, com o tempo, a produzir paixões pecaminosas. Mais uma vez Paulo revela algo fatal:“Porque, quando estávamos na carne, as paixões do pecado, que são pela lei, obravam em nossos membros para darem fruto para a morte” (Rm. 7:5). E Paulo diz mais: “Ora, o aguilhão da morte é o pecado, e a força do pecado é a lei” (I Co. 15:56). Qual a conclusão que chegamos? Que a lei de Jeová alimenta o império do diabo, pois pela lei vem o conhecimento do pecado, e quem peca é do diabo(Rm. 3:20, I Jo. 3:8). E Paulo remata o assunto, dizendo: “Logo, a lei é contra as promessas de Deus? De nenhuma sorte, porque, se dada fosse uma lei que pudesse vivificar, a justiça, na verdade, teria sido pela lei” (Gl. 3:21). A lei só enriquece o império e Satanás, e é contra a graça de Cristo, como diz Paulo: “Estai pois firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a meter-vos debaixo do jugo da servidão. Eis que eu, Paulo, vos digo que, se vos deixardes circuncidar, Cristo de nada vos aproveitará. E de novo protesto a todo homem que se deixa circuncidar, que está obrigado a guardar toda a lei. Separados estais de Cristo, vós os que vos justificais pela lei: da graça tendes caído” (Gl. 5:1-4). E Jeová alimenta o império do diabo com abundância. Jeremias declara: “Assim diz Jeová dos Exércitos: Eis que o mal sai de nação para nação, e grande tormenta se levantará nos confins da terra. E serão os mortos de Jeová, naquele dia, desde uma extremidade da terra até a outra extremidade da terra; não serão pranteados, não serão recolhidos, nem sepultados, mas serão como estrume sobre a face da terra” (Jr. 25:32-33). Só no dilúvio Jeová matou bilhões de pessoas. É por isso que Salomão disse: “O inferno e o abismo nunca se fartam” (Pv. 27:20).
  2. Leão, no Novo Testamento, é figura de Satanás. Por quê? Porque o leão é o rei dos animais, e Satanás é o rei dos pecadores, pois quem comete pecado é do diabo (I Jo. 3:8). Em segundo lugar, quando o leão pega uma vítima, esta não escapa de suas mandíbulas. De igual modo, quando um cristão cai em pecado, passa a ser servo do pecado, ou melhor, escravo do pecado (Rm. 6:16-17).Em terceiro lugar, o leão devora suas vítimas, e Satanás, pelas paixões pecaminosas, devora as almas. Expliquemos como Satã devora. Apenas um exemplo: Um adolescente, ou mesmo um menino, sabe mexer na internet. Um colega da escola comenta que vê pornografia na internet. O adolescente se sente tentado a ver. Por mais que resista, com o tempo acaba por conectar um site clandestino. Sente-se culpado e assustado. Resolve não ver mais, mas agora a tentação é alimentada pelo desejo, e acaba vendo pela segunda vez. Finalmente ninguém sabe de nada. É segredo íntimo, e o monitor não fala. A partir da terceira vez que enche os olhos com as imagens obscenas e corruptoras do respeito a si mesmo e ao próximo, e do veneno diabólico que corrói os princípios da moral, torna-se tudo normal. Quem assiste filmes pornográficos foi devorado pelo leão. Pedro diz: “Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar” (I Pd. 5:8). Paulo disse: “Mas o Senhor assistiu-me e fortaleceu-me, para que por mim fosse cumprida a pregação, e todos os gentios a ouvissem; e fiquei livre da boca do leão” (II Tm. 4:17).

O que intriga e assombra o leitor meticuloso da Bíblia, é que Jeová é leão devorador também. Quem declara isso é Oséias, o profeta: “Andarão após Jeová; ele bramará como leão; bramando ele, os filhos do ocidente tremerão” (Os. 11:10). “Porque para Efraim serei como um leão, e como um leãozinho para a casa de Judá; eu, eu despedaçarei, e ir-me-ei embora; arrebatarei, e não haverá quem livre” (Os. 5:14). “Bramiu o leão, quem não temerá? Falou o Senhor Jeová, quem não profetizará?” (Am. 3:8). “Se me exalto, tu me caças como um leão feroz, e de novo fazes maravilhas contra mim” (Jó 10:16). “Como urso que tem perdido os seus filhos, os encontrarei, lhes romperei as teias do coração, e ali os devorarei como leão” (Os. 13:8).

A única conclusão lógica a que chegamos é que Jeová é o grande devorador das almas, e o diabo é o da família.

Cuidado com os leões devoradores!

 

Autoria: Pastor Olavo Silveira Pereira

Deixe uma resposta