(580) – A OPERAÇÃO DO ERRO 1


I Ts.2:11 

1)    Jeová montou um reino que não é o reino de Deus no monte Sinai: “E vós me sereis um reino sacerdotal e um povo santo” (Ex.19:6). Mil seiscentos e cinquenta anos depois Jesus desceu do céu, e disse: “Meu reino não é deste mundo” (Jo.18:36).

2)   O povo do reino de Jeová é feito de carne e sangue, porém Paulo disse: “A carne e o sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herda a incorrupção” (1 Co.15:50).

3)    O povo do reino de Jeová foi formado de semente imunda, pois Moisés disse: “E também o homem, quando sair dele a semente da cópula, toda a sua carne lavará com água, e ficará imundo até à tarde. E também a mulher, com quem homem se deitar com semente da cópula, ambos se banharão com água, e serão imundos até a tarde” (Lv.15:16-18). Mas Pedro diz para quem quer entrar no reino de Deus: “Sendo de novo gerados, não de semente corruptível, mas da incorruptível, pela palavra de Deus, viva, e que permanece para sempre” (1 Pd.1:23).

4)    Um jovem que queria seguir a Jesus, disse-lhe: “Senhor, deixa que primeiro vá sepultar o meu pai. Jesus, respondeu, dizendo: Segue-me tu, e deixa os mortos sepultar os seus mortos” (Mt.8:21-22). E Jesus disse-lhe mais: “Quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida” (Jo.5:24). O reino de Jeová é constituído de mortos. O apóstolo Paulo diz: “Pelo que, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens, por isso que todos pecaram” (Rm.5:12). “Assim como todos morrem em Adão, assim também todos serão vivificados em Cristo” (1 Co.15:22). Jesus Cristo declarou: “Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá. E todo aquele que vive, e crê em mim, nunca morrerá. Crês tu isso?” (Jo.11:25-26).

5)    Jeová usa no seu reino valores que não são verdadeiros. Ele disse: “Minha é a prata, e meu é o ouro, diz o Jeová dos Exércitos” (Ag.2:8). Nas guerras Jeová entregava os reinos na mão de Israel. Nos saques criminosos, o ouro e a prata iam para os tesouros de Jeová (Dt.2:30-35; Js.6:19). Jeová disse: “A bênção de Jeová é que enriquece, e não acrescenta dores” (Pv.10:22). Jeová deu riqueza e glória a Davi (1 Cr.29:26-28), a Salomão (1 Rs.3:13), ao rei Ezequias (2 Cr.32:27), a Nabucodonosor (Dn.4:36-37). Jesus Cristo mudou os valores, dizendo: “Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam. Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça e nem a ferrugem consomem, e nem os ladrões minam nem roubam” (Mt.6:19-20).

6)    Jeová estabeleceu uma lei que não é a lei de Deus: os dez mandamentos (Ex.20:1-17). Jesus estabeleceu outra: “Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis” (Jo.13:34). Paulo diz: “O aguilhão da morte é o pecado, e a força do pecado é a lei” (1 Co.15:56). “Porque, quando estávamos na carne, as paixões dos pecados, que são pela lei, obravam em nossos membros para darem fruto para a morte” (Rm.7:5). Deus, o Pai de Jesus, decretou a graça, anulando o efeito mortal da lei: “A graça de Deus se há manifestado, trazendo salvação a todos os homens” (Tt.2:11). E Paulo diz: “Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça” (Rm.6:14). A lei dada por Jeová só atrapalhou: “Porque o precedente mandamento é abrogado por causa da sua fraqueza e inutilidade. (Pois a lei nenhuma coisa aperfeiçoou)” (Hb.7:18-19).

7)    Jeová edificou um templo, que não é o templo de Deus, para nele habitar: “Tu os introduzirás, e os plantarás no monte da tua herança, no lugar que tu, ó Jeová, aparelhaste para tua habitação, no santuário, ó Jeová, que as tuas mãos estabeleceram. Jeová reinará eterna e perpetuamente” (Ex.15:17-18). Vejamos o que diz o Novo Testamento: “O Deus que fez o mundo e tudo o que nele há, não habita em templos feitos por mãos de homens” (At.17:24). O templo onde Deus quer habitar é o templo do nosso corpo: “Não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por bom preço. Glorificai, pois, a Deus no vosso corpo e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus” (1 Co.6:19-20).

 

Autoria: Pr. Olavo Silveira Pereira

 

Deixe uma resposta