(265) – OS FILHOS DE DEUS – III

OS FILHOS DE DEUS Nº 3

 

Segundo a narrativa bíblica, Deus criou o homem e a mulher à sua imagem e semelhança (Gn. 6:26-27). Cabem algumas indagações sobre o fato.

Que deus os criou? No hebraico a palavra é Elohim, que está no plural, e se traduz por deuses. O singular dessa palavra é El. Mas a palavra Elohim, na Bíblia, se aplica também para ídolos (Ex. 12:12).Também se aplica a deuses falsos (Ex. 18:11). Neste texto lemos que Jeová é maior que todos deuses. A palavra Elohim aplica-se também a anjos na Bíblia. No Salmo 8:5, lemos que o homem foi feito pouco menor que os anjos. A palavra usada é Elohim. No Salmo 78:25 lemos que o povo comeu o pão dos anjos (Elohim).

Deus (Elohim), criou o homem à sua imagem e semelhança. macho e fêmea os criou (Gn. 1:26-27). Esse homem, imagem do deus Elohim, aderiu ao partido da serpente, por cobiça e interesse, e principalmente incitado pela mulher, criada também à imagem de deus (Gn. 3:1-6; Ap. 12:9). Adão e Eva, as duas imagens dos deuses (Elohim), foram expulsas do paraíso por desobediência. Fora do jardim do Éden, abandonados por deus, e debaixo de maldição (Gn. 3:17-19), se corromperam terrivelmente, eles e seus descendentes. A corrupção e a violência foram tantas que Jeová disse: Estou arrependido de ter criado o homem à minha imagem e semelhança. Vou destruir a minha imagem (Gn. 6:1-7). E veio o dilúvio!

Antes de Jeová se arrepender pela primeira vez, pois ele se arrependeu muitas vezes, lemos que os homens eram seus filhos. “Viram os filhos de deus que as filhas dos homens eram formosas, e as tomaram para seu deleite” (Gn. 6:2). Quem eram estes filhos de deus? Anjos? Nunca, pois os anjos foram criados e os filhos são gerados. Uns afirmam que os filhos de deus são os descendentes de Sete, filho de Adão, que nasceu depois de Abel, e os filhos dos homens são os descendentes de Caim, o maldito. Outros afirmam que os filhos de deus foram os descendentes do primeiro homem, de Gn. 1:26-31. Este homem tinha glória (Sl. 8:3-9). Adão e Eva foram destituídos da glória, e por isso se tornaram os pais dos filhos e filhas dos homens. Esses dois grupos estão em Gn. 6:2.

A grande pergunta que se faz é: Deus tinha filhos antes de Jesus Cristo descer a este mundo? O Velho Testamento diz que sim. “Filhos sois de Jeová; vosso deus”(Dt. 14:1). “Jeová, provocado à ira contra seus filhos e filhas, os desprezou” (Dt. 32:19)“Jeová se esconde de seus filhos, pois não são leais” (Dt. 32:20). “Criei filhos, e exaltei-os; mas eles prevaricaram contra mim” (Is. 1:2)“Povo rebelde é este, filhos mentirosos, filhos que não querem ouvir a lei de Jeová” (Is. 30:9).

O Novo Testamento declara outra coisa. Para ser filho de Deus, temos de aceitar Jesus como Salvador em primeiro lugar. “Mas a todos que o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus; aos que crêem no seu nome; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do varão, mas de Deus” (Jo. 1:12-13). Diante desta tremenda declaração do apóstolo João, cabem as seguintes perguntas:

1.  Se os filhos do verdadeiro Deus só começam a partir do Cristo encarnado (Jo. 1:12-13), como Jeová tinha filhos que não passaram por Jesus? (Gn. 6:2).

2.  Se, para ser filho de Deus, o homem tem de nascer de novo, isto é, nascer da água e do Espírito (Jo. 3:3-6), porque os filhos de Jeová eram todos nascidos da carne e do sangue? (I Co. 15:50).

3.  Se os filhos de Deus não são gerados de semente carnal e imunda (Lv. 15:16-18; 12:1-8), por que os de Jeová eram? (II Sm. 7:12-14; Ez. 16:20-21)“Sendo de novo gerados, não de semente corruptível, mas da incorruptível, pela Palavra de Deus, viva, e que permanece para sempre” (I Pd. 1:23).

4.  Se Jesus gera filhos para Deus Pai, através da paixão da morte na cruz (Hb. 2:9-10), por que Jeová gerava filhos próprios, só na carne, e fora de Cristo, o autor e consumador da fé e da salvação? (II Sm. 7:12-14).

5.  Se os salvos por Jesus são todos libertados do jugo e da servidão da lei (Gl. 5:1-4), e por isso são filhos de Deus, por que os filhos de Jeová estavam todos debaixo da lei? (Lv. 18:5; Ez. 20:11-13; 20:25).

6.   Se os filhos de Deus são os que crucificaram a carne com suas paixões e concupiscências (Gl. 5:24), por que Jeová chamava filhos os que viviam guiados por essas paixões infames? Davi cometeu um adultério vergonhoso, tendo outras dezesseis mulheres, e depois mandou assassinar Urias, o marido, para poder casar (II Sm. 11 e 12). Salomão, o filho eleito por Jeová antes de nascer, era voluptuoso, lascivo e lúbrico, pois teve mil mulheres (II Sm. 12:24; I Rs .11:1-3).

7.  Se os filhos de Deus são livres, pois foram libertados por Jesus (Jo. 8:36; Gl. 5:1-4), por que Jeová chamava filhos os que eram escravos da lei? (Gl. 4:21-26).

8.  Se não há imputação de pecados para os filhos de Deus, pois Cristo pagou pelos pecados na cruz (I Pd. 2:24) e também estão num estado intelectual e moral mais avançado, por que os filhos de Jeová, num estado mais atrasado, e, portanto sendo mais necessitados, eram sumariamente condenados e mortos? (Nm. 14:28-30; Hb. 3:17-19; Nm. 16:28-33, 49). E quinhentos anos mais tarde, no tempo do rei Davi, 70.000 foram mortos por Jeová sem motivo (I Cr. 21:14).

9.  Se está escrito que os filhos de Deus não pecam (I Jo. 3:9; 5:18), pois quem peca é do diabo (1 Jo. 3:8), e é claro que não peca, pois não é mais o velho homem, e nasceu de novo (Jo. 3:3-6), e é nova criatura (II Co. 5:17), e João declara que quem peca nunca viu nem conheceu a Cristo (I Jo. 3:5-6); por que os filhos de Jeová viviam mergulhados na lama da carne e do pecado como Davi e Salomão?

  1. Se os filhos de Deus não são deste mundo, como disse Jesus (Jo. 8:19, 23; 15:19; Jo. 17:14-16; I Jo. 2:15-17) e, Tiago na sua Epístola afirma que o amigo do mundo é inimigo de Deus, por que Jeová punha o mundo no coração dos homens? (Ec. 3:11). É porque o reino de Jeová é deste mundo (Sl. 47:7-8).
  2. Se os filhos de Deus são herdeiros de um reino celestial, não neste mundo, como lemos em II Co. 5:1-2; II Tm. 4:18; I Pd. 1:3-4; Mt. 25:31, 34; por que os filhos de Jeová são herdeiros de um reino terreno, sugeito a guerras e ódios? (Gn. 17: 8)
  3. Se os filhos de Deus são os que saem da morte para a vida, como lemos em Jo. 5:24, pois a morte reinou desde Abrão até Jesus como lemos em Rm. 5:17, e o próprio Jesus o declara em Mt. 8:21-22, por que os filhos de Jeová reinavam na morte? E reinavam na morte porque eram todos matadores de Jeová. Elias, um dos maiores profetas era matador. Mandou matar 450 profetas da Baal, e 400 profetas de Asera, depois que se converteram a Jeová (I Rs. 18:19; 18:38-40). De outra feita chamou a Jeová; que matou cento e dois soldados que obedeciam a ordens (II Rs. 1:9-12). Davi matou tantos que Jeová o proibiu de construir o templo (I Cr. 22:8); o caso é que Davi reinou na morte. Nós cristãos reinamos em vida com Jesus. “Porque, se pela ofensa de um só, a morte reinou por esse, muito mais os que receberam abundância de graça, e do dom da justiça, reinaram em vida por um só — Jesus Cristo” (Rm. 5:17). Que é reinar em vida? É ser portador da vida eterna (I Jo. 1:1-3).

 

Autor: Pastor Olavo Silveira Pereira

Deixe uma resposta